Blog do Eduardo Costa Meu blog pessoal

26Abr/112

Primeiro post sobre o Minecraft

Estou viciado no jogo Minecraft. Ele é ótimo para relaxar, me dá várias idéias diferentes, além de estimular meu raciocínio a depender do que estou tentando fazer. Como tem muita coisa que acho útil para outras pessoas, aliado ao fato que não tenho paciência para publicar vídeos no YouTube, vou deixando alguns tópicos por aqui.

O primeiro é batido: um tutorial sobre como sobreviver nesse jogo. Quando o joguei pela primeira vez, pensei que era algo bobinho, do tipo que você fica boiando à deriva. Infelizmente, eu me enganei. Levei um tempo absurdo para não fazer nada, anoiteceu, ficou impossível ver qualquer coisa, e, do nada, aparece um bicho estranho que explode em cima de mim. Bate aquela sensação de dinheiro jogado fora...

Tempos depois, achei este vídeo aqui:

Para quem não tem interesse em ouvir a narrativa em inglês, vai a síntese da idéia. Nesse jogo, ao iniciar, você começa em um mundo aberto, totalmente quadradão, alguns porcos e vacas quadradões pulando aleatoriamente, o sol quadrado se movendo junto às nuvens quadradas no alto... Lindo e quadradosamente maravilhoso. Sua missão, no primeiro dia, é sobreviver com o que tem e criar um abrigo antes que anoiteça. Quando o sol der lugar à lua, os monstros aparecem e você dança.

Primeira tarefa é achar uma árvore. Chegando perto dela, mira no tronco, clica com o botão esquerdo e segura até que o bloco da árvore se quebre e vire um bloquinho menor, que você pode pegar. Faça o mesmo com uns três blocos da árvore e já estamos no caminho.

Depois de depenar todos os blocos de uma árvore, as folhas começam a sumir. Algumas deixam cair uns galhos (sapling) que você pode pegar. Para manter essa operação sustentável, recomendo replantar os galhos, que depois tornarão-se árvores (que você pode depenar e pegar novos galhos e etc). Basta selecionar o galho (provavelmente foi para o segundo quadradinho na barra inferior - se assim o foi, pressione "2" e o galho vai para a "mão" do personagem), escolher um lugar de terra (marrom) ou grama (verde) no chão e clicar com o botão direito. Pronto! Desenvolvimento sustentável!

Agora, vamos fazer o crafting. Entre no inventário (geralmente a tecla "E"). Aparece seu bonequinho quadrático, do lado esquerdo vai ter a armadura (não hoje, ainda), do lado direito tem a parte onde você monta suas coisas, no meio o inventário e, no fim, os espaços que você pode colocar os itens e acessar com as teclas "1" a "9" (provavelmente tem madeira - Wood - no "1").

Vamos fazer tábuas ("wooden planks"). Clique na madeira e depois na área 2x2 (não importa onde). As tábuas aparecem do lado direito (cada bloco de madeira gera 4 placas). Clique nas tábuas (uma vez para cada bloco de madeira que tiver) e depois no inventário. Pronto! Você acabou de bancar o marceneiro!

A diversão ainda não acabou. Clique nas tábuas com o botão esquerdo e, na área 2x2, clique com o botão direito uma vez em cada quadrado para deixar uma tábua em cada um. Aparece a "mesa de trabalho" (crafting table) do lado direito. Esse é um dos itens mais importantes do jogo! Clique nele e ponha em um dos quadrados de uso (vamos dizer que você pôs no quadrado da tecla "2").

Saia do inventário (tecla "esc" ou "e"). Em qualquer lugar plano, selecione a mesa ("2") e clique com o botão direito no chão. Mesa instalada! Hora de fazer algo mais complexo. Clique com o botão direito na mesa. Aparece o inventário, mas com uma área de craft maior (3x3).

Pegue mais duas tábuas e ponha uma no meio e uma embaixo. Isso gera quatro bastões ("sticks"). Pegue os bastões, coloque no meio e embaixo. Coloque uma tábua em cada quadrado do topo, fazendo uma espécie de "T". Aparece uma picareta de madeira! Bem vindo ao irreal mundo de Minecraft.

Pegue a picareta e ponha em seu acesso rápido. Saia do inventário e clique com o botão esquerdo no Crafting Table até ele virar um bloquinho para você voltar a carregar consigo. Agora vamos à exploração. Esta parte tem que ser rápida, ou você vai passar a noite no escuro. Procure por blocos de pedra (são cinzas). Entre estes, você precisa procurar alguns que possuem manchas pretas no meio. Esses são minérios de carvão (coal ore). Ao achar um, use sua picareta para quebrar-lo. Basta clicar com o esquerdo e segurar até ele se espatifar e deixar uma pedrinha preta, que você deve pegar. Isso é carvão (coal). Geralmente esses blocos de carvão aparecem em grupos de dois a doze. Pegue alguns e vamos à parte final (por hoje).

Se você foi rápido, e ficou dando pausas entre as explicações, deve estar na metade do dia ainda (sol a pino). Ache um local legal para iniciar uma mini-casa. Não cometa o erro de entrar em uma caverna criada pelo gerador de mapas agora. Elas podem ser muito complexas e vão lhe dar uma dor-de-cabeça grande agora, além de poderem surgir monstros (aggressive mobs).

Esse local para sua casinha pode seguir duas formas: ou você pega um terreno plano e põe todos os blocos da parede e teto, ou você vai na parede de uma montanha e escava uma mini-caverna para você. Recomendo a segunda nesse início. Depois você pode abandonar e criar uma casa mais legal.

Basta fazer o que você fez com o carvão, mas, dessa vez, abrindo um buraco mais "aconchegante". O que você pode fazer é abrir um buraco 4x4x2 e tampar a entrada com os blocos que você escavou. Dica: ao invés de fechar toda a parede 4x2 que você abriu, deixe um bloco para servir como "janela". Dica 2: quando anoitecer, não fique colado na janela, ou um Creeper aparece, explode e leva sua parede inteira. Dica 3: não faça a janela com mais de um bloco vazado, pois aranhas podem atravessar e te lascar.

Falta somente um acessório para terminar sua casa Flintstone. Com um bastão (stick) e um carvão, você pode criar tochas (torches). Basta colocar um bastão abaixo de um carvão para criar quatro tochas. Com a tocha selecionada, clique com o direito em uma parede ou no chão para colocar a tocha lá e iluminar parte do ambiente.

Agora, se anoiteceu, você pode colocar o Crafting Table em sua "casa" e brincar com outras receitas. Como você vai perceber, a picareta de madeira não vai durar muito se você começar a expandir sua casa. Na receita da picareta, troque as tábuas de cima por paralelepípedos (cobblestone) e você tem uma picareta de pedra (urgh), que dura mais e quebra um pouco mais rápido.

Com isso, você sobreviveu ao primeiro dia nesse jogo. Basicamente, sua rotina será diurna, até você expandir seus negócios e começar a "dominar" outros tipos de áreas (mais sobre isso no futuro).

Vamos a algumas receitas úteis para melhorar sua casa:

Com seis tábuas (wooden planks), em um formato 2x3, você faz uma porta. Coloque-a no chão e fica mais fácil entrar e sair de casa agora.

Com oito paralelepípedos (cobblestone), dispostos em todo o 3x3, exceto no meio, você faz uma fornalha (furnace). Com ela, você pode fazer outros tipos de itens.

Se você pegou areia (sand) - os blocos bege, você pode usar a fornalha (clicando com o direito nela, que nem o Crafting Table), colocar os blocos de areia no quadrado de cima e o carvão em baixo. A fornalha vai queimar e a areia vira vidro (adorei essa parte). Com o vidro, você pode fazer janelas maiores, pois você vai ter uma ótima visão e os monstros não vão te encher. Só tome cuidado pois a criação do vidro consome muito combustível. Você poderá precisar do carvão para tochas. Se você tiver madeira em sobra (sem transformar-la em tábuas), pode usar como combustível no lugar do carvão, mas o fogo da madeira dura bem menos.

Com vidro e porta, você já tem uma casa bem funcional. Se fizer o mesmo padrão da fornalha, mas usar tábuas no lugar da pedra, você tem uma caixa (chest), que pode ser usada para guardar itens, que nem seu inventário. Se colocar duas caixas uma ao lado da outra no chão, elas viram uma caixa maior, com mais espaço. Se a caixa for desmontada (ou destruída), os itens nela se espalham.

A partir daí, é com você. Estabeleça um objetivo (construir uma casa melhor, explorar o mundo, etc) e divirta-se.

Ah, a propósito, as proporções nesse jogo são planetárias. Nessas novas versões, o tamanho do mapa tem o equivalente ao tamanho da Terra, então, literalmente, seus netos conseguiriam chegar ao fim dele. As cavernas naturais são, muitas vezes, complexas - já me perdi em várias. Ou seja, tem muita coisa para fazer.

Última dica (meio tardia): crie sua primeira casa perto de onde você surgiu. Se você morrer, volta para esse ponto - vai ser bom ter uma casa por perto. Depois, com o tempo, você pode pegar lã (wool) dando um golpe em uma ovelha para tosquear-la. Com três blocos de lã em linha e três tábuas abaixo, você faz uma cama. Ponha-a no chão, preferencialmente longe de janelas e portas, e, ao clicar com o botão direito, você dorme e acorda na manhã seguinte. Útil, né? E, melhor: depois de dormir, se você morrer, volta para a cama!

Comentários (2) Trackbacks (0)
  1. Mano edu se posso chama-lo assim como esse post me ajudou cara são 3:00 da madrugada e eu estou aqui na frente do pc jogando esse jogo viciante agradeço de coração mesmo pelas suas informação e seu tempo para postala aqui
    se precisar de ajuda em algo posso contar com o blog ???

    grande abraço att jeferson


Leave a comment

(required)


*

Sem trackbacks