Blog do Eduardo Costa Meu blog pessoal

7Mar/110

Blender 2.5 x 2.4

Acabei de enviar para revisão meu primeiro jogo para a Apple. Agora, basta esperar e rezar para não ter nenhum defeito grave que impeça a publicação. Enquanto espero, já que ainda tenho tempo livre, estou bolando o próximo jogo. Agora vou partir pro mundo 3D - um FPS ou similar. Usei muito OpenGL ES nesse primeiro projeto, mas através vistas ortogonais para gerar um sistema 2D. Esse vai ser completamente 3D,  e espero poder investir em shaders também - tenho muito interesse nessa tecnologia.

Para alimentar o jogo com modelos, pensei em utilizar o Blender. Após tentar relembrar como operar-lo, descobri a infeliz verdade: a versão 2.4 é uma completa porcaria no Mac. O scroll não funciona corretamente, a rotação precisa ser emulada no teclado, muito atalho só funciona com "Control+Option+Shift" (altamente ergonômico), e a "cereja do bolo": preciso abrir o pacote da aplicação para incluir novos "scripts".

Já tinha pensado em desistir do Blender quando encontrei a versão 2.56, supostamente beta. Impressionante! Parece outra aplicação. Os anos open-source fizeram bem a esse sistema. O mouse funciona como esperado num multitouch: dois dedos para scroll nas quatro direções, "pinçar" para zoom, Option+scroll rotaciona, e, claro, em "Library > Application Support" apareceu uma pasta "Blender" (o equivalente ao "Application Data" do Windows).

A interface também mudou muito. Para quem precisa relembrar tudo que nem eu, não faz diferença, mas os profissionais vão sofrer um pouco. De qualquer forma, exceto pelo menu Aqua, tudo no Blender está incrivelmente integrado ao Mac. Parabéns para a equipe de desenvolvimento! Realmente é um feito o que conseguiram fazer!

Comentários (0) Trackbacks (0)

Sem comentários


Leave a comment

(required)


*

Sem trackbacks