Blog do Eduardo Costa Meu blog pessoal

9Fev/110

Dica trabalhista do dia

A CLT brasileira realmente protege o trabalhador. Entretanto, está longe de ser perfeita. Um mês depois de ser demitido, a empresa ainda não depositou o FGTS devido. Ainda continuam religiosamente depositando as parcelas três meses atrasado. Pelo rumo atual e pela legislação em vigor, eu só vou ter um mês dos 120 dias que eu teria para entrar com seguro-desemprego. Em resumo: eles estão praticamente me roubando três parcelas do seguro, se eu conseguir emprego antes de julho.

Ao falar com o Ministério do Trabalho sobre isso, descobri que, por ter dado baixa em minha carteira (mesmo sem homologar com o sindicato), perdi o apoio do ministério, de forma que preciso acionar a justiça para garantir meus direitos.

Ou seja, baixa na carteira significa fim do vínculo empregatício e, consequentemente, o MT passa a não dar a MÍNIMA para você.

Minha dica de hoje: quer ter algum apoio do governo no fim do contrato de trabalho CLT? Só dê baixa na carteira no momento da homologação com o sindicato.

Comentários (0) Trackbacks (0)

Sem comentários


Leave a comment

(required)


*

Sem trackbacks